Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]





Comentários recentes



subscrever feeds



Publicidade


Ter um filho na Suíça

por Nuno Barreto, em 24.01.11

No fim de Maio vou ser pai, e isso tem-me permitido aprender algumas coisas sobre ter filhos na Suíça.

 

Para já, é interessante saber que uma mulher não pode ser despedida se estiver grávida, mesmo que ela não tenha conhecimento da gravidez. Por incrível que pareça isso aconteceu conosco. A minha esposa foi despedida uma semana antes de sabermos que estava grávida, e o despedimento foi anulado. Mas fora isso, não existe mais nenhuma proteção especial. Não há redução de horários, por exemplo.

 

Para que tudo seja coberto pelo seguro de saúde, é sempre necessário adicionar-lhe o suplemento (a ver com cada seguradora), e isso um ano antes de começar a gravidez, senão não pagam. Também dependendo do suplemento que se adquire, pode-se ter acesso a clínica privada para o nascimento ou não, por isso é bom ter atenção a isso.

 

No que diz respeito a licença de parto, varia para cada cantão. No de Genève são 16 semanas para a mãe, nos outros não sei ao certo, mas sei que anda tudo à volta deste valor ou pouco mais. Para o pai, depende da empresa, e em geral são só entre 1 e 3 dias. E depois disso, não há mais regalias (nem horas para aleitamento, nem nada).

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:37

Publicidade





Comentários recentes



subscrever feeds